Arquivo do mês: janeiro 2013

O tempo e a arte do ballet clássico.


Recebo muito e-mail perguntando em quanto tempo a pessoa conseguirá, abrir um espacate, girar piruetas, ter um balance perfeito, dançar uma variação, subir nas pontas…

Não existe resposta se não existir muito treino, e esse tempo será relativo a tantos fatores…

Ser magra, longelínea, esforçada apenas não adianta. As bailarinas do Bolshoi treinam durante anos de 8 a 12h por dia. POR DIA. Nossos alunos geralmente farão em sua maioria 2 a 3 aulas de 1h30 na semana.

Caberá ao professor da o seu melhor, saber cobrar, nunca parar de estudar. Ainda mais quando se fala de adulto.

O aluno adulto é diferente. Ele chega cheio de estigmas, pre-conceitos, e muitas outras buscas que vão além de fazer ballet. Vão reconsquistar seus próprios valores, vão se dar um desafio que sempre fica na tenue linha frustração x conquista, competição com seus sonhos x sua realidade… Vão com problemas mil na cabeça esperando que naquele momento ele consiga se concentrar apenas nele mesmo… e sim ele querem dançar, eles querem pontas e mais do que ninguém querem perfeição.

Saber sustentar tudo isso é o que o professor do aluno adulto precisa se especializar além de compreender que o corpo do aluno adulto é diferente, mas não mais dificil ou mais fácil, diferente, e cada aluno também é diferente um do outro.

Em todos esses anos que passei a dar aulas de ballet para adultos já pequei na ansiedade, na forma de fazer uma correção, na defesa, no avanço… E juro que quanto mais eu cresço como professora foi porque ouvi meu aluno e não parei de me especializar, seja na arte do ballet (também sou aluna adulta e me imponho desafios grandes e diferentes a cada etapa de meu aprendizado), seja no estudo do comportamento humano.

É ir além do que sonhamos, ou do que achávamos que seria necessário. 

Pois nosso aluno quer e merece a melhor aula, o melhor que pudermos dar e ballet de verdade!

Mas existe um item que ajuda e muito… um texto meu que publiquei no facebook semana passada:

 
Quando a espera não é tormento é a lição do Sr. Tempo…

Não custa esperar passar, chegar… na verdade quando queremos tudo para ontem acho que nõa estamos prontos para receber de fato aquilo que pedimos. Mesmo quando pedimos “faça a sua vontade”.

Eu passei a viver cada dia de uma vez e aprendi que organização apenas faz com que esse dia seja mais tranquilo, e que o tal Sr. Tempo fica mais ameno…

Ensaios começaram ontem e já estão rascunhando um lindo crescimento de uma escola que vai fazer só 4 anos, mas que tem muita história para contar.

Um passo de cada vez, retroceder para avançar… repetir, repetir, repetir. Humildade no passo, na emoção, no carinho, no querer.

Crescer é legal. To gostando… passar as fases podem doer, mas sempre que o tal do Sr. Tempo ganha nossa atenção essa tal fase passa mais rápido do que imaginamos!

Reservem as datas de 17 e/ou 18 de abril, prometemos dançar com muito amor e dar nosso melhor para a arte que sustenta nossa alma e constrói nossos passos. ♥

Bom dia ao primeiro domingo de ensaios!

BalletAdultoKR® – Seu sonho levado a sério.
Venha fazer parte desta realidade!
(11) 3884.4430
karen@balletadultokr.com.br

studio@anaesmeralda.com.br

ImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagemImagem

5 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Ballet Clássico. Realidade.


Quem me conhece sabe muito bem que eu sei de coisas que cada aluno meu sente e faz mesmo ele achando que eu estou alheia aos seus sentimentos sejam eles bons ou nem tanto assim.
Procuro trazer a todos a paixão. o amor. junto com a tecnica que mais ninguém quer ensinar. Todos querem alunos mais avançados. Eu quero aluno. Aquele que quer aprender, sem competir, sem destruir um outro para tentar se sentir melhor. esse mundo já existe na vida de todo mundo e minha sala de aula não é o lugar para isso ter continuidade.
Tem gente que sente vergonha de dançar. Seja por que se sente ridículo, seja porque criticou alguém e hoje vê que essa critica poderia apenas ser algo seu nele. e por isso tanto incomodava.

Que 2013 comece no seu ballet com menos critica, mais amor, mais foco em você mesma.
Tem quem tenha mais facilidade em uma coisa e mais dificuldade em outra.
Não é magra que tem jeito, ou a gordinha que é torta. 
Bailarino é quem ama sua dança e se dedica com sua alma.

Eu corrijo, eu explico e eu acredito. Vcs trocam para o bem. Para um dia permitirem-se expressar além dos limites da competitividade, mesmo que essa competitividade seja entre você e uma certa menina que habitou seu corpo há alguns anos atras.

Aqui eu acredito em você.
E é por isso que você está aqui.
E seja muito bem vindo!

Ballet Adultokr – Seu sonho levado a sério.
(11) 3884.4430

http://vimeo.com/51755118

5 Comentários

Arquivado em Uncategorized